Problemas

Acordo. Rebolo na cama a pensar em tudo o que foi surgindo aos poucos. Por mais que tente esquecer e ultrapassar certas coisas, torna-se impossível arrancá-las da mente, até mesmo do coração.
Sim, posso ir a qualquer lado, em qualquer hora mas há coisas que não se esquecem. Não podemos fugir delas, não há escapatória possível até serem resolvidas. Cada vez se vai tornando mais difícil ter paz de espírito. Acordados não nos sai da cabeça, faz-nos gritar enquanto dormimos. É um problema, ou pelo menos encarado como tal.
Passo horas e horas a tentar uma maneira de não levar isto tão a peito, a tentar não pensar tanto nisto. “Água mole em pedra dura tanto bate até que fura”, realmente nem sei se acredite nisso, pode resultar com a pedra e com a água, mas comigo nem pensar.
Sinceramente, acho que devo começar a pensar noutras coisas…
                                              
Ficar quieta, fechar os olhos e não olhar para trás.

6 comentários:

Rita da Maçaroca disse...

Humm nao me parece que este seja continuação do anterior... Vejo tristeza aqui. No outro havia o vício do desejo. Ate pode ser referente ao mesmo, mas nao baixes os braços. Não agora! Se valer a pena, atira-te, sem pára-quedas... É a melhor sensação do mundo. :)

Beijinho*

PR" disse...

Isso é uma decisão que trás tanta dor...

Rita da Maçaroca disse...

Ahaha sorry. Nem reparei no nome. Peço desculpa :$
Muser o comentário é dirigido a ti. É engraçado estas disparidades de vidas e sentimentos. Gosto mesmo de ver...

Beijinho^^

Isa disse...

adoro o teu blog.. a tua escrita , minha nossa.

Isa disse...

Tu sim escreves mesmo bem, eu através das tuas palavras, consigo ver a pureza do teu coração, acreditas? :)

Isa disse...

Um recado:
# Gabriela disse...diz à muser e à jezebel que não lhes consigo comentar o blog. quando meto em enviar, aparece aquilo da verificação de palavras, mas depois nao tenho o sítio para por :S ;

 
Designed by Lena